BAHIA: Hildécio destaca crescimento da violência nas ilhas ao redor da Baía de Todos-Os-Santos


Em pronunciamento realizado na tarde desta terça-feira(14), na Assembleia Legislativa do Estado da Bahia (Alba), o deputado estadual Hildécio Meireles (PMDB) expôs sua indignação com os altos índices de violência nas ilhas ao redor da Baía de Todos-Os-Santos. Segundo o parlamentar, como se não bastasse Salvador, o interior e a zona rural do estado, agora a insegurança atinge também as ilhas dos entornos da baía, como a Ilha de Itaparica, por exemplo. “A Baía de Todos-Os-Santos, que num passado recente abrigava embarcações internacionais, que se fixavam nas marinas aqui localizadas ou vinham em passeios pelo litoral brasileiro, foram embora exatamente pela falta de segurança. O Porto de Itaparica, por exemplo, passou recentemente a ser considerado, nos mapas dos destinos náuticos internacionais, como zona perigosa, devido a incidência de roubos seguidos de morte, que na linguagem náutica são denominados ‘atos de piratarias’”, destacou Hildécio Meireles. Na oportunidade, o peemedebista ressaltou diversos casos de violência veiculados na imprensa baiana e brasileira. “Em 27 de janeiro de 2015, um jovem de 17 anos morreu numa praia de Itaparica, e, recentemente, entre os dias 26 e 28 de março também deste ano, três veleiros franceses, um suíço e um sueco foram vítimas de bandidos armados com facão e armas de fogo”, enfatizou Meireles, que completou, ainda, dizendo esperar uma solução do governo do estado e do secretário de segurança pública. “O turismo náutico é o turismo praticado, sobretudo por aposentados e pessoas de certa idade, que trazem divisas para nossa indústria turística. Por isso, eu quero fazer um apelo ao secretário rio de segurança pública, que volte também os seus olhos para esta atividade turística, no sentido de trazer mais segurança para esse tão empreendedor segmento da nossa economia”, concluiu.

Compartilhe no Google Plus