Bahia registra mais de 1,1 mil demissões em março de 2015


Bahia registra mais de 1,1 mil demissões em março de 2015
Foto: Reprodução / TV do Servidor Público
Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), referentes ao mês de março de 2015, apontam a redução de 1.167 postos de trabalho na Bahia. O resultado, sistematizado pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (Sei), expressa a diferença entre o total de 62.480 admissões e 63.647 desligamentos. O saldo reflete um patamar inferior ao contabilizado em igual período do ano anterior e representa o pior resultado da série para os meses de março (2004-2015). Por outro lado, os números revelam melhora em relação ao mês de fevereiro de 2015 (-7.643 postos. "Apesar do resultado negativo, destacamos que as empresas com até quatro funcionários continuam gerando emprego no Estado. Em março, foram 4.094 mil empregos criados em microempresas", afirmou Eliana Boaventura, diretora-geral da Sei. Quatro setores registraram saldo negativo de postos de trabalho: Construção Civil (-2.136 postos), Comércio (-635), Serviços Industriais de Utilidade Pública - Siup (-86) e Extrativa Mineral (-1). Em contrapartida, quatro setores apresentaram resultados positivos: Agropecuária (+465), Administração Pública (+453), Serviços (+404) e Indústria de Transformação (+369). (Bahia noticias)
Compartilhe no Google Plus