Com bolso vazio, cidades do interior confirmam festas de São João

Com bolso vazio, cidades do interior confirmam festas de São João
Foto: Reprodução
Mesmo com a época de contas enxutas, em que várias prefeituras cancelaram o São João, pelo menos 12 cidades do interior baiano vão realizar os festejos juninos. A receita para não pular a fogueira foi reduzir programação e custos. Segundo o A Tarde, só Santo Amaro no Recôncavo não vai ter São João. Cachoeira, Cruz das Almas, Amargosa e Santo Antônio de Jesus já confirmaram que vão fazer a festa. Outros municípios mais afastados da capital, como Senhor do Bonfim, no Piemonte Norte do Itapicuru, também realizarão os festejos. O foco também será na redução de gastos previstos neste ano entre R$ 850 mil a R$ 1 milhão. Na última segunda-feira (25), a Bahiatursa lançou um edital público para seleção de 170 projetos de apoio aos festejos juninos. O órgão selecionará também propostas de bandas e artistas de forró. No entanto, na sexta-feira (29), o Ministério Público baiano (MP-BA) recomendou a suspensão da seleção, com o argumento de que a Bahiatursa deve demonstrar, no prazo de cinco dias, "a razoabilidade dos gastos frente ao orçamento do Estado". A Bahiatursa disse que encaminhou o pedido à Procuradoria Geral do Estado (PGE) e responderá dentro do tempo estabelecido pelo MP.

BAHIA NOTÍCIAS
Compartilhe no Google Plus