TSE cruza dados eleitorais e presidenciais de Dilma

Presidenta Dilma Rousseff
O cruzamento dos dados da prestação de contas da campanha à reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT), com os gastos do Palácio do Planalto com viagens e eventos no período eleitoral está sendo preparado por técnicos do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O levantamento, segundo o jornal Folha de S. Paulo, será avaliado junto com os depoimentos de delatores do esquema de corrupção da Petrobras no pedido de cassação feito pela oposição contra a petista e o vice Michel Temer (PMDB). A ideia é analisar se houve abuso de poder político e econômico como diz a oposição. A presidência já enviou os documentos à Justiça Eleitoral. No ano passado, Dilma conciliou em viagens eventos oficiais e atos de campanha. No entanto, o PT ressarcia os cofres públicos pelos deslocamentos feitos com a estrutura oficial no período eleitoral. O uso da máquina pública é um dos argumentos utilizados por partidos de oposição, puxados pelo PSDB, para pedir que o TSE casse o registro de Dilma e Temer e dê posse ao senador tucano Aécio Neves na Presidência. Informações da Folha de S. Paulo.
BAHIA NOTÍCIAS
Compartilhe no Google Plus