Em meio à crise de Dilma, Ciro Gomes detona ‘ajuda’ de Lula e Joaquim Levy

Em meio à crise de Dilma, Ciro Gomes detona ‘ajuda’ de Lula e Joaquim Levy
Foto: Valter Campanato/ Agência Brasil
Atualmente sem um cargo público, o ex-ministro da Fazenda Ciro Gomes (Pros), teceu duras críticas às intervenções que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem feito no governo de Dilma Rousseff. De acordo com ele, além de “todas as intrusões de Lula tem sido muito ruins”, o petista estariam “conspirando e dando sustos” em Dilma de forma que não acalma o ambiente político nacional. “Se estivesse se preservando, uma palavra dele [Lula] seria muito importante agora”, disse Ciro a Fernando Rodrigues, do Uol. O ex-ministro da Integração Nacional de Lula acredita que “está em marcha um golpe” que “vai tornar o país ingovernável por uns 20 anos”, pois a população está se sentindo traída e engana por Dilma, Lula e o PT. Além disso, ele criticou a equipe que a presidente montou para auxiliá-la: “Joaquim Levy [atual ministro da Fazenda] é uma boa pessoa para ser tesoureiro. Ele está construindo uma erosão fiscal sem precedentes. Nesse ritmo, as reservas do país duram só um ano e meio”, disparou. Ciro Gomes ainda deu uma sugestão sobre como Dilma poderia lidar com a crise. “Deveria ‘apagar a luz’ no mercado de câmbio e deixar flutuar a cotação do dólar. Abaixar a taxa de juros drasticamente. O cenário da inflação fica imponderável, mas não é que a inflação vai necessariamente subir”, afirmou. 

BAHIA NOTÍCIAS
Compartilhe no Google Plus