Hábito de guardar moedas tira R$ 850 milhões de circulação

IMAGEM_NOTICIA_5 (1)
Aqueles que gostam de guardar moedas por muito tempo podem estar afetando a economia brasileira. Levantamento feito pelo Banco Central aponta que cerca de R$ 850 milhões estejam presos em cofrinhos, gavetas ou porta-trecos. A estimativa é que 7,2 bilhões de moedas não circulem atualmente. E essa prática pode custar caro. O dinheiro guardado é o equivalente a 4,5 anos de produção da Casa da Moeda, e repor o estoque custaria R$ 1,8 bilhão.
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário