Relator apresenta parecer favorável ao impeachment de Dilma

O parecer favorável à abertura do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, apresentado ontem pelo relator Jovair Arantes (PTB-GO) na comissão especial da Câmara, dificulta a situação do governo e dá fôlego à oposição na busca, entre os indecisos, pelos 342 votos necessários para levar a discussão sobre o afastamento ao Senado.Aliado do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), Jovair defendeu a admissibilidade do pedido por ver indícios de que Dilma tenha cometido crime de responsabilidade na "abertura de créditos suplementares por decreto presidencial, sem autorização do Congresso" e na "contratação ilegal de operações de crédito." O parecer precisa ser aprovado pelo colegiado até segunda-feira, antes de seguir ao plenário.— Uns vão me chamar de herói. Outros, de vilão e golpista — afirmou Jovair.Com 128 páginas, o texto foi apresentado em uma reunião que se estendeu por mais de cinco horas e custou a voz do relator, que falhou ao final de leitura.
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário