Aos 7 anos, filho de Michel Temer tem imóveis avaliados em R$ 2 milhões

Se muitos brasileiros estão se virando para deixar as contas pagas em dias, Michelzinho, filho do presidente em exercício, Michel Temer (PMDB), mesmo aos 7 anos de idade já possui imóveis no valor que supera os R$ 2 milhões. De acordo com o jornal Estado de São Paulo, Temer passou para o herdeiro dois conjuntos comerciais que abrigam seu escritório político em São Paulo.

Os imóveis estão localizados no Edifícil Lugano, no Itaim-Bibí, zona sul da capital paulista. Cada conjunto tem valor venal de R$ 1.024.802 de acordo com a Prefeitura de São Paulo, mas o valor de mercado costuma ser até 40% mais alto do que o valor de referência utilizado pela Prefeitura para calcular o IPTU.

Nas declarações de bens de Temer, cada conjunto é avaliado em apenas R$ 190 mil, já que os políticos declaram imóveis pelo valor de quando foram comprados – a legislação não os obriga a atualização do valor.

Em nota, a assessoria de Michel Temer informou que a transferência foi feita como doação, espécie de antecipação de herança, e que as outras filhas do presidente também já receberam imóveis em outros momentos.
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário