Jovem conta detalhes do estupro em entrevista: “Até arma eles usaram”

Reprodução / O Globo

Em entrevista ao jornal O Globo, a jovem de 16 anos falou sobe o estupro que sofreu por 33 homens na cidade carioca. Ela disse que se sente um “lixo” e muitas pessoas ainda a culpam pelo que aconteceu na noite da sexta-feira da semana passada em uma comunidade do Rio.

“Me sinto um lixo. Parece que quando as pessoas me olham veem um lixo na frente, mesmo com todo o apoio que estou recebendo. O estigma é o que está me doendo mais. É como se dissessem ‘a culpa é dela. Foi ela que estava usando roupa curta. Foi ela que quis ir para lá’. Eu vi isso no Facebook. Eu queria que as pessoas soubessem que não é culpa da mulher”, disse.

Ela falou ainda que pensou que fosse morrer quando acordou e se deparou com mais de 30 criminosos armados. “Me sentia totalmente indefesa. Eu pensava em sair dali. Achava que ia morrer. Achei que eles iam me enforcar. Até arma eles usaram. Quero a justiça de Deus para essas pessoas”, falou.

A jovem completou afirmando que não imaginava que receberia tanto apoio nas redes sociais: “Eu queria agradecer a essas pessoas, porque eu não esperava. Eu pensei que eu seria realmente julgada. Pensei que eu seria apedrejada. A maioria delas (das mulheres) diz: ‘tô contigo'”.
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário