Ubatã: Concurso público da Câmara é suspenso por suspeita de fraude


A Câmara Municipal de Ubatã suspendeu provisoriamente o concurso público que seria realizado no dia 22 de maio no município. A decisão foi tomada tendo em vista representação feita pelo vereador Gabriel Nascif (PT), junto ao Ministério Público. Segundo o parlamentar uma serie de ilegalidades e irregularidades relativas ao processo licitatório que envolveu a escolha da empresa que iria realizar as provas do concurso para ao preenchimento de vagas do quadro permanente de servidores do poder legislativo foram encontradas e o andamento deveria ser interrompido. Em oficio encaminhado ao diretor da Consultte Projetos e Assessorias Ltda – Me, Ezequiel Simas, a empresa foi comunicada que a suspensão seria uma forma de garantir direitos e prevenir responsabilidades, até por conta que todo o processo foi realizado pelo ex-presidente da casa, Fernando Fernandes (DEM), o FF. Ainda segundo oficio assinado pelo presidente da Câmara, Jaquison Mendes Brito (DEM), o Nino Maragon a empresa devera informar os inscritos no referido concurso sobre a suspensão. Por ora, o presidente aguarda apuração do Ministério Publico sobre as ilegalidades apontadas para regularização do certame.
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário