Menina de 11 anos engravida após ser estuprada pelo padrasto no sul da Bahia


Uma menina de 11 anos engravidou após ser estuprada na cidade de Itamaraju, extremo sul da Bahia. De acordo com a polícia, o padrasto da garota é o suspeito de ter cometido o abuso. Até as 17h desta quarta-feira (1º), ele não tinha sido localizado pela polícia. O caso foi comunicado à Promotora de Justiça de Itamaraju, que também vai apurar apurar a denúncia. Segundo informações do delegado Cleber Eduardo Gonçalves, coordenador da Polícia Civil na região (8ª Coorpin), o caso foi denunciado ao Conselho Tutelar do município na terça-feira (31) e registrado na Delegacia de Itamaraju, que investiga o crime. A vítima, que está no 6º mês de gestação, está internada no Hospital Municipal de Itamaraju.Ela chegou à unidade de saúde com quadro de pré-eclâmpsia (pressão alta na gravidez). Nesta quarta-feira, a menina permanecia internada. A diretoria do hospital informou ao G1 que a família da menina não autorizou que sejam divulgadas informações do estado de saúde dela e do bebê. Segundo o delegado Cleber Gonçalves, a garota passou por exame de corpo de delito no hospital e também foi ouvida por policiais. Ela disse que teve relações sexuais com o padrasto duas vezes. Nas duas ocasiões, conforme o delegado, a menina disse que a mãe não estava em casa porque estava trabalhando. De acordo com a polícia, a vítima morava com a mãe e o padrasto, em um assentamento dos Sem Terra localizado no povoado de Vila União, zona rural de Itamaraju. O delegado informou ainda que, segundo as primeiras apurações da polícia, o suspeito morava com a vítima e a mãe dela há menos de um ano. A mãe disse não saber que a filha estava grávida e nem dos abusos cometidos pelo marido. *Com informações do G1
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário