Polícia recolhe cigarros falsificados encontrados em fábrica clandestina


Selo falsificado da Receita Federal foi encontrado em fábrica clandestina de cigarros em São Sebastião do Paraíso (Foto: Reprodução EPTV)A Polícia Militar e a Receita Federal começaram a recolher nesta terça-feira (5) os 2,2 milhões de maços de cigarros falsificados que foram encontrados em uma fábrica clandestina na zona rural de São Sebastião do Paraíso (MG). Os policiais ainda procuram pelos donos da fábrica. Na linha de produção, foram encontrados até selos falsificados da Receita Federal.

Na entrada da fazenda onde a fábrica funcionava, uma câmera de vigilância foi encontrada escondida entre os galhos das árvores. Segundo a polícia, com o equipamento, a chegada e saída de estranhos era monitorada.

"O monitoramento que eles tinham aqui, que possibilitava a eles verificar quem estava chegando na propriedade, havia uma estrutura aqui de uma quadrilha especializada nesse ramo", disse o tenente da Polícia Militar, José Marcos de Faria.

Uma pessoa que disse ser o caseiro tentou barrar a entrada dos policiais no dia em que a fábrica foi descoberta. Segundo a polícia, ele tinha a função de despistar quem chegasse.

Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário