PT QUER TIRAR MORO DO SÉRIO PARA DEPOIS ALEGAR ‘SUSPEIÇÃO’

IDEIA É LEVAR JUIZ A CRITICAR LULA PARA DEFESA ALEGAR SUSPEIÇÃO. FOTO: MARCOS DE PAULA/AE
A estratégia foi definida em reunião reservada do PT e segredada por Lula, há dias, em sua visita ao Ceará: provocar ao máximo o juiz Sérgio Moro a fim de que ele perca a paciência e reaja com declaração forte contra o ex-presidente Lula. O objetivo da estratégia, recomendada por advogados petistas, é criar pretexto para alegar “suspeição” do juiz que faz Lula tremer de medo, conseguindo tirar o processo das suas mãos. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.
Lula teve reuniões dramáticas com seus advogados, aos quais pediu uma única coisa: conseguirem, a qualquer preço, livrá-lo de Moro.
Foram destacados para provocar Sérgio Moro o próprio Lula, seus advogados, parlamentares, sindicalistas e o presidente do PT.
Lula difunde a fantasia de que virou réu por “razões políticas”. Diz apostar que ninguém terá “coragem” de prendê-lo.

Diário do Poder
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário