PARTIDOS DE ESQUERDA DEVEM PERDER NO 2º TURNO DAS ELEIÇÕES


Enfraquecidos pelas urnas no primeiro turno, dia 2 de outubro, os partidos de esquerda devem sofrer novo revés no segundo turno das eleições municipais. É o que apontam as pesquisas sobre as disputas nas capitais e nas 15 cidades brasileiras mais populosas. PSOL e PT não elegerão qualquer prefeito. PDT vencerá só em Fortaleza. Já os partidos da “centro-direita” se fortaleceram. PSDB é o favorito em seis capitais e o PMDB, em três. PSD lidera em Curitiba e Campo Grande.
No Rio, 57,6% dos cariocas rejeitam Marcelo Freixo (Psol), segundo o Paraná Pesquisas, reforçando o favoritismo de Marcel Crivella (PRB).
O PSB deve manter o controle do Recife, onde Geraldo Júlio lidera contra João Paulo (PT), e deverá vencer também em Aracaju.
Rede e PPS têm o favoritismo em Macapá e Vitória, respectivamente, no segundo turno das eleições municipais.
Em Belo Horizonte, João Leite (PSDB) deve vencer Alexandre Kalil (PHS). O PT, que governa o estado, nem sequer foi ao segundo turno.
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário