Jorge Fair pagou R$ 710 mil à empresa de táxi em 2012

Resultado de imagem para Jorge Fair Ibirataia taxi
Jorge Fair deixou o poder no final de dezembro |Foto: Reprodução

Em Sessão realizada na manhã dessa terça-feira (27), a Câmara de vereadores aprovou as contas dos exercícios de 2011 e 2012 do ex-prefeito Jorge Abdon Fair. 
Vale lembrar que, em sua gestão, Jorge (DEM), gastou em dezembro do ano 2012, último mês do seu mandato, R$ 710 mil apenas com serviço de táxi. A denúncia foi feita pelo atual presidente da Câmara, vereador Caio Pina (PP). O dinheiro foi repassado antes do encerramento da sua gestão à empresa Bahia Táxi Empreendimentos. 

Mas, segundo o edil, não foram todos que prestaram serviços ao Município que foram contemplados com o cumprimento do dever de qualquer prefeito ou prefeita. Os servidores públicos não receberam os salários de dezembro e o 13º salário. “Em dezembro o município de Ibirataia arrecadou quase R$ 4 milhões e a gestão do ex-prefeito não pagou credores e muito menos os salários, o 13º e o terço de férias dos funcionários municipais. Onde foi parar tanto dinheiro?”, questionou o presidente da Câmara.

Hoje, oito dos onze vereadores votaram pela aprovação das contas. Jorge de Caju, como é conhecido no município, foi prefeito por dois mandatos, 2005-2008 e 2009-2012, sendo o único prefeito reeleito da história política de Ibirataia. Nas eleições deste ano, Jorge foi o principal apoiador da prefeita eleita Ana Cleia, esposa do ex-prefeito Júlio Leal, que venceu o pleito eleitoral disputado contra o atual prefeito Marcos Aurélio.
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário