RECEITA FEDERAL AUTUA INSTITUTO LULA POR NÃO PAGAR IMPOSTOS


O Instituto Lula foi atuado pela Receita Federal em cerca de R$ 2 milhões por “desvio de finalidade”. A entidade, fundada pelo ex-presidente Lula em 2011, não paga impostos e multas desde sua criação.
Segundo a Receita, o Instituto Lula teria feito gastos que não poderia já que era uma entidade sem fins lucrativos e, assim, isenta de impostos.
O IL chegou a ter sua isenção fiscal suspensa em agosto deste ano pelo mesmo motivo. A investigação foi instaurada em dezembro do ano passado. A Receita Federal também analisa as declarações de imposto de renda dos anos de 2012, 2013 e 2014.
De acordo com as investigações, a entidade de Lula recebeu quase R$ 35 milhões em doações, boa parte de empreiteiras envolvidas em corrupção investigados pela Operação Lava Jato.
A principal irregularidade identificada pelos auditores fiscais até agora foi o pagamento de R$ 1,3 milhão para a empresa G4 Entretenimento, que pertence a um dos filhos de Lula, nos anos de 2013. Também foram identificados pagamentos sem destinatários e o aluguel de um imóvel apontado como sede do Instituto, porém, como um endereço diferente.
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário