Rodovia que liga município a Gandu continua sem previsão de recuperação


Usuários da BA-120, rodovia que liga Ibirataia a Gandu, continuam sofrendo com as condições precárias da estrada. Sem serviços de recuperação e manutenção há cerca de 4 anos, a situação da rodovia tem se agravado cada vez mais. Até o momento ainda não foi divulgado pelas autoridades competentes uma previsão do governo do estado em realizar a recuperação da BA. Esse trecho da rodovia, além de ser usado pelos moradores dos dois municípios, também é a via mais próxima de acesso a BR-101. Atualmente, os condutores de veículos que viajam até Salvador, preferem percorrer dezenas de quilômetros a mais através da BR-116 (Jequié) ou BR-101 (Ubaitaba). Apesar de bem mais distantes e pagar pedágios pela BR-116, os motoristas afirmam que vale a pena. “Além dos inúmeros buracos que tem na BA-120, o risco de assaltos também é muito grande. Então por isso que há mais de um ano sempre vou a Salvador pela BR-116”, comentou um comerciante. “A condição daquela rodovia é intransitável. Isso é uma vergonha, pagamos tantos impostos e nada é feito em nosso benefício”, reclamou João Ferreira, morador de Ibirataia. No mês passado o deputado Sandro Régis (DEM) apresentou indicação à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa para que o governo da Bahia recupere a BA-120. Segundo o parlamentar, a condição da estrada está deixando os municípios citados carentes de alguns produtos. Esta importante via serve principalmente ao escoamento da produção de cacau, da pecuária de leite e da piscicultura. O governo do estado ainda não se manifestou sobre as reivindicações. (Giro Ipiaú)
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário