Pacientes reclamam do serviço de ambulância no município

Imagem relacionada
Foto: Reprodução


Pacientes que dependem da ambulância para transporte aos serviços de saúde estão ficando a ver navios. Pelo menos é o que mostram denúncias feitas em perfis de Facebook.
Uma mulher com nome de Mari Nery, não teve disponível o transporte para deslocar seu irmão que fraturou o braço.
Segundo ela, havia falado com o Secretário de Saúde do município sobre o transporte. O médico autorizou a transferência do paciente e a ambulância nunca chegou ao local aguardado.
Ela teve de arrumar um novo meio de transporte para o deslocamento entre hospitais. 
A reclamante acrescentou que considera um "absurdo" uma prefeita que pregou em campanha uma coisa, e está realizando outra. Diz ainda que até dá um desconto por ter apenas oito dias de governo, mas questiona o porque da não liberação. Ela diz que o serviço de ambulâncias é para todos, mas, que têm sido ineficiente.
A moça concluiu que no mesmo local onde aguardou, tinha outras pessoas esperando pelo mesmo serviço e sem lograr êxito.

Leia a reclamação:

Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário