Prefeitura investe em anúncios pagos no Facebook após popularidade da gestão despencar

Há pouco mais de 45 dias de criada, a fan page da Prefeitura de Ibirataia no Facebook tem chamado atenção de usuários de toda a região pela criatividade em gastar a verba pública em anúncios patrocinados na rede social. O famoso Facebook Ads.
No início de seu governo, a Prefeita Ana Cleia (PSD), decretou emergência financeira e auditoria no paço municipal.

As postagens de comunicação institucional se misturam a atualizações com informações, videos, fotos e depoimentos da prefeita.
Essa prática da Prefeitura começou este ano. Por meio desta ferramenta, ela consegue multiplicar o número de pessoas que visualizam suas postagens, além de direcionar para um público específico. Analisando bem, a escolha das postagens a serem turbinadas não são aleatórias e buscam enaltecer os feitos da gestão escolhidos pelos responsáveis. 

Veja:

Publicação sem investimento financeiro:

Dois compartilhamentos e três curtidas. 

Publicação com investimento financeiro:
100 compartilhamentos, 160 curtidas e 4,7 mil visualizações.

Não é mera coincidência a enxurrada de publicidade que os usuários da rede têm encontrado nos seus feeds de notícias da Gestão no Facebook. Observando atentamente logo acima da imagem, existe a especificação “Patrocinado”. Isto quer dizer que aquele conteúdo está sendo pago para aparecer nos perfis das localidades selecionadas e na intensidade que tem aparecido, a única certeza é que tem lhe custado dinheiro – afinal está sendo feito com recurso público.

A página adota uma linguagem bem diferente do que estamos acostumados a ver em comunicações institucionais. A receita do sucesso em compartilhamentos, curtidas e visualizações, vem da simpatia remunerada confiada à Mark, dono do Facebook.  

O clima pesado entre o grupo está refletindo a elevada rejeição que amarga o governo – que eles insistem "ser coisa da oposição".

A avaliação da Chefe do Executivo piorou após a sucessivos erros administrativos. Muitos dos seus eleitores já consideram seu início de gestão ruim ou péssimo.

Ibirataia Notícias
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário