Vereador diz que não faz sentido Kannário receber R$120 mil da Prefeitura para esculhambar


O vereador José Trindade (PSL), de Salvador, repudiou as declarações do colega Igor Kannário, que durante apresentação na Liberdade, criticou o funcionamento da Câmara Municipal, com afirmação de que o crime organizado está ”lá dentro”. Trindade cobrou providências por parte do presidente da Casa, Léo Prates (DEM), e afirmou que ”não faz sentido o cantor receber R$120 mil da Prefeitura para esculhambar os colegas”. Presidente, a transparência e a condução da Casa vem sendo tocada de maneira exemplar e reconhecida por todos, e não podemos deixar que declarações irresponsáveis maculem a imagem do nosso presidente nem dos demais vereadores”, bradou.
Compartilhe no Google Plus

0 comentários:

Postar um comentário